Conheça os níveis de energia do cão no adestramento

Mesmo que o animal seja de determinada raça, isso não quer dizer que ele tenha um temperamento igual aos demais da mesma espécie


Entender sobre o temperamento do cachorro é o primeiro passo para ter um adestramento com bons resultados. Isso porque, a forma como o cão interage com o dono e com os ensinamentos recebidos são pontos importantes para determinar quais práticas devem ser levadas em consideração e quais não darão os resultados esperados.

Desta forma, entender o nível de energia do animal é essencial para elaborar um programa de treinamento específico para ele. Tendo em vista que cães ativos respondem de forma diferente de cachorros preguiçosos, quando o assunto é adestramento. Talvez, o pet ainda não tenha compreendido os ensinamentos do tutor devido as aulas que estão sendo aplicadas de maneira errada.

Nível de energia nos cães

Mesmo que o animal seja de determinada raça, isso não quer dizer que ele tenha um temperamento igual aos demais da mesma espécie. Por exemplo, ao mesmo tempo em que tem-se um pinscher agitado, outro cãozinho da mesma raça pode ser mais tranquilo. As características físicas podem ser equivalentes, mas a personalidade do cachorro não, tendo em vista que esta pode ser modificada e vai depender de como o dono se relaciona com o peludo.

Imagem de adestrador treinando cão

Foto: Depositphotos

Programas e treinamentos ideais para pets ativos

Os cães considerados ativos são os que possuem um alto nível de energia e que, por isso, não se cansam com facilidade. Por estas características, eles acabam tornando-se melhores aprendizes, uma vez que exercem determinadas habilidades com mais naturalidade. Nestes casos, os peludos, normalmente, já gostam de pular, latir e dar a pata ao dono, como uma forma de chamar a atenção. Assim, fica mais fácil ensinar aos animais que tais comportamentos devem ser feitos apenas quando o dono pedir, eliminado a fase de aprender a exercê-los, pois eles já sabem.

De acordo com Stanley Coren, no livro A Inteligência dos Cães, os da raça border collie são considerados os cachorros mais inteligentes. Não à toa que a maioria dos peludos desta raça demonstra ser animada, tendo o nível de energia bem elevado.

Adestramento para cães menos ativos

Cachorros com pouca energia precisam ser constantemente estimulados, isso porque se entediam e cansam mais rápido. Por isso, a dica é treinar esses peludos com o auxílio de algum petisco e com bastante paciência. Cães com baixo nível de energia não gostam de repetir a mesma situação várias vezes e assim acabam perdendo o foco com mais facilidade. Tendo em mãos uma boa recompensa, fica mais simples conseguir atrair o pet.


Reportar erro